Rádio Bandeirantes 1290 AM Araranguá > Rádios ao vivo Online FM Ouvir
  Rádios ao vivo Online FM Ouvir

Menu de rádio
Outro
Bem vindo de volta.
00s 40s 60s 70s 80s 90s Acre Adulta adulto contemporâneo Alagoas alma Amapá Amazonas Ananindeua Anápolis Apparecida Araçatuba Araguari Arapiraca Araranguá Automobilismo Bagé Bahia Balneário Camboriú Barbacena Barreiras Barretos Bauru Belém Belo Horizonte Bento Gonalves Betim Blues Blumenau Bom Successo bossa nova brasileiro Campos Dos Goytacazes Canções de amor Canoinhas Carapicuiba Católica Ceará christian Classical Comunitárias conversa Country cristão cristão contemporâneo Cuapiaçu Cuiabá Curitiba dança Dance Distrito Federal eclectic eletrônico Espirito Santo Esportes Flashback Florianópolis folk Fortaleza funk Futebol Goiânia Goiás Goioxim Gospel Governador Valadares Gravatá Guanambi Guarapuava Hits Ilhéus Instrumental Itaguai Itapuranga Jaquaritinga do Norte Jazz Jornalismo Kalore Kpop Manaus Maranhão Maringá Mato Grosso Mato Grosso do Sul Minas Gerais MPB notícia Oldies país Pará Paraná Pernambuco pop Pop-Rock Popular Popular 1 Popular 2 Popular 3 Popular 4 Porto Alegre Recife reggae Retro Ribeira Rio de Janeiro Rio Grande do Sul Rock rock clássico rock'n'roll romantic romântico Samba Santa Catarina Santos São Paulo sartanejo Sertaneja Sorocaba Talk Telemaco Borba Tiete Top 40 top40 Três Lagoas Vila Velha Web

Rádio Bandeirantes 1290 AM Araranguá

Tipos de rádio: Araranguá

  

ADS
Rádio Bandeirantes 1290 AM Araranguá Ouvir Rádios Online Grátis Brasil Qualidade e Transmissão İninterrupta. No calor do momento, Raja abandona a zona alta, levando o seu grupo em direção ao inimigo. Entrando no jogo de Lex. A equipa da casa segue-o respondendo ao chamamento de Raja. Trava-se a batalha. O combate afasta-se cada vez mais do rochedo e penetra na floresta. Pressentindo uma vitória fácil, a equipa da casa avança mais. Lex está à espera. O inimigo está pronto. Raja está confuso. Só consegue ver um invasor. Está na altura da equipa de Lex acabar o trabalho. A equipa da casa está encurralada. O grupo de Raja foge para salvar a vida. Castle Rock tem um novo rei. Raja está ferido. Deixar o rochedo e levar a luta até Lex foi um erro caro. A sua posição como alfa está agora tremida. Kumar também tem as suas feridas de combate. Mas hoje, há pior. O grupo perdeu um dos seus. Maya conhecia este macho há anos. É como se ela e os outros entendessem que isto é um adeus. Hoje, não perderam apenas um amigo perderam o seu castelo rochoso e o reino que os sustentou durante gerações. Maya continua a avançar, enquanto Kumar acompanha Kip. Maya tem, finalmente, alguma proteção para o seu filho. Mas o grupo está vulnerável. Não há nada para comer e beber e Lex pode voltar e acabar com eles. Têm de continuar a avançar. Lembram-se dele? Os humildes conhecem um varano mesmo fora de água, dão o alarme. A nobreza não está familiarizada com esta criatura, porque nunca teve de visitar o lago dos nenúfares. Por uma vez, nesta estranha terra de ninguém, os plebeus têm a vantagem. Para Maya, o lagarto é apenas uma distração passageira. Com Kip a reboque, continua a andar e o grupo faz fila atrás dela. A borda da floresta é território não familiar. Finalmente, um sítio para se reorganizarem. Mas tarambolas não querem macacos perto dos seus ovos. Para variar, as irmãs estão do lado que apanha e não gostam nada disso. Kumar leva Kip para lugar seguro. Enquanto isso, Maya continua a avançar. Maya é a melhor equipada para este desafio. Sabe umas coisas sobre procurar comida em sítios perigosos. A primeira paragem é um falhanço. Maya continua a avançar. A adversidade nada tem de novo para esta rapariga. Mas não é o caso de Raja. Outros tomam agora a liderança. As irmãs estão confusas. Até o avô se sai melhor. Quando entram finalmente na selva urbana, estão esfaimados. Usando os seus instintos, Maya leva-os até ao mercado. Kumar é o primeiro a agir. Faz com que pareça fácil. Os seus alunos observam e aprendem. Maya está no grosso da ação, Kip mantém-se a salvo lá em cima. As irmãs recebem um A pelo esforço. Sim, há alguma aprendizagem a fazer. Progresso, não perfeição. De barriga cheia, o grupo explora que mais a cidade tem para oferecer. Um assento para o avô. Uma pequena bebida desta coisa. "Caramba!" "O que é aquilo? Tem muito pelo. É quase do tamanho de um langur." "Falas macaco?" "Meu, o que és tu?" "Gosta de ser tratado!" Bom, talvez o melhor amigo do homem o seja também do macaco. "Não, gostamos de morder a cauda uns dos outros, não é " "Acham que me deixa montá-lo?" "Amanhã à mesma hora?" O grupo provou a gastronomia da cidade.

Comentários

Nenhuma resenha encontrada

Escreva um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

*

*