Radio Metrópole 101.3 FM

Radio Metrópole 101.3 FM, Radio Metrópole 101.3 FM ao Vivo Online


Adicione ao seu site.

Ei, Mario? Mario? Dê-me isso! Bem, Mary Poppins do caralho. Me dê isso! Venha pegar. Me dê! Mario. Mario, estou falando sério. Agora, pare. Mario. Ouça. Tem alguém lá fora. É um carro da polícia. Ei, não se preocupe. É o meu tio Ron. Oi. Oi. Vamos entrar. Quer uma taça de vinho? É, está tudo bem. Você não está trabalhando. E aí, o que está rolando, tio? Quero dizer, onde está a sua “Playmate da Semana”? Está me esperando lá fora no carro. Sabe, ele gosta daquelas que parecem ter sido radio enchidas com bomba de bicicleta, sabe? O quê, vai nos prender por estarmos bebendo? Eu não irei. Você tem sorte por eu não sentir cheiro de “erva”. Você tem alguma aí? Compro barato. Nenhum respeito. Nenhum respeito pela lei. Respeito? Você quer respeito? Ele quer respeito, e está usando o carro da polícia para dar uma. Só vocês dois, hein? Meu pai está dormindo. Você conheceu o pai dela? Ah, sim, um cara legal. Ele jantou com vocês? Ei, quantos pratos você vê aqui? Eu conto dois. Um radio Sim, certo, certo, garoto esperto. Tudo bem. Estava cansado, então subiu para a cama. Luz de velas, vinho e uma lareira. Realmente é muito romântico. Frank Hallet ligou duas vezes. Disse que sua mãe desapareceu. Deve estar alcovitando pelas casas. Mario não gosta dos Hallets. Eu? Não acho que goste tanto assim deles, também. Me lembro que ele tentou prender Hallet radio por ter levado uma garotinha para o mato. Mas ele não pôde. Tudo o que a mãe do Hallet fez foi casá-lo radio com uma garçonete com dois filhos. Basta. Para provar que ele era normal. Não banque o espertinho. O carro dela está em frente a seu escritório, mas não há sinal dela. E Hallet disse que estava vindo até aqui radio para pegar uns potes de geléia ou algo assim. Sim, bem, como vê, eles ainda estão aqui esperando por ela. Ninguém tocou neles. Então ela não apareceu, hein? Não. Então você veio procurá-la aqui? Vim até aqui porque temi que Rynn pudesse estar sozinha. Você achou que aquele crápula estaria aqui te esperando para ser preso? Olhe, se não quiser que seus pais saibam que esteve aqui radio não seja tão atrevido. Quem é atrevido? Por que não ensina boas maneiras para ele? Ah, se a Sra. Hallet aparecer, pode pedir para ligar para a polícia? Certo? Certo. Obrigado pelo vinho. Boa noite. E não façam nada que eu não faria. Isso foi assustador, não foi? Foi. Não foi? O que achou da forma como fiz seu pai desaparecer? Você mentiu. Pode apostar que sim. O que queria que eu fizesse? Aonde você pensa que está indo? Apenas te testando. Tipo, você não quer mesmo que eu vá nem nada, quer? Quer? Não. Ah, você tem sentimentos? Pensei que você fosse uma carta de baralho. Venha cá. Venha cá. Você está louca? Ele voltou. Venha. Vai lá, atenda a porta. Está pronto? Sim, vá em frente. Olá. Posso entrar? Acho que é hora de nós dois termos uma conversinha, não concorda? Estes são os famosos potes de geléia? Olá. Só dois para o jantar? Seu pai parou de fumar, Rynn? Me arrume algum fogo, filho. Está frio aqui. Vamos pôr mais lenha na lareira. Eu pego. Olá, Gordon. Onde está o seu pai, Rynn? Você ama o Gordon? Sim. Sim o quê? Sim, eu amo o Gordon. E eu acho que o Gordon te ama também. Não! Ei, quem é você? Um maníaco? O filho da me mordeu. Me dê algum desinfetante. Está lá em cima no armário dos remédios. Agora, me escute, mocinha. Eu sei que você esconde algo. E eu quero saber onde o seu pai está. O que me dirá desta vez? Ele está trabalhando? Ou dormindo? Ele jantou aqui? Você jantou aqui, filho? Sim. Só você e a linda Rynn? Sim. E onde ele está? Quem? De quem estamos falando? Ah, o pai dela está dormindo. Lá em cima? Lá em cima. Você ia dizer no escritório. Não. Não minta para mim, cacete. Você ia. Não, não ia. Quem é ele? Sou Mario Podesta. Perguntei a você. Quem é ele? Ele é Mario Podesta. Ah, sim. Acho que já te vi mancando por aí, não vi? Meu tio é policial. Sério? Ele acabou de sair daqui. Por que ele estava aqui? E ele está voltando. Não foi o que perguntei. Conte a ele. Sim, me conte. Ele disse que você ligou à procura da sua mãe. Que talvez viesse procurá-la aqui. Por que a minha querida mãe estaria aqui? A não ser que tenha fugido com o caseiro radio o que aconteceu numa ocasião. Ela não está aqui. Não, foi por causa dos potes. No outro dia você disse que não tinha nenhum namorado. Sim. Você é namorado dela? Sim. Você disse que não tinha namorados. Ela é muito nova. Ela te disse quantos anos tem? Treze. Não conhece nenhuma garota da sua idade? Ou garotas da sua idade gostam de dançar? Os potes de geléia. O que tem eles? Pode levá-los agora. Agora não. Talvez a minha mãe tenha vindo, mas você não estava. Eu estava aqui o tempo todo. Você não foi ao jogo de futebol? Eu não poderia ter me desencontrado dela. Então você diz que estava aqui o tempo inteiro? Sim. Que estranho. Pode levar os potes agora. Vou pô-los no seu carro. Vai? Sim, farei isso agora mesmo. Não, você não pode. Nada de carro. Eu vim a pé até aqui, já que a minha querida esposa está com a caminhonete.. Já o Bentley, é a minha querida mãe quem tem as chaves. O que quer, Sr. Hallet? O que você quer, filho? O que quer dizer? Quer o que todos os namorados querem. Você não gosta de garotas? Sim, eu gosto de garotas. Você não deseja Rynn? Seja um bom pequeno mágico, certo, filho? Desapareça daqui. Diga para ele cair fora daqui. Ele é meu amigo. Mas não é seu namorado. Em primeiro lugar, direi o que eu quero. Quero saber o que tem acontecido nesta casa. Quero saber o que aconteceu aqui hoje! Não aconteceu nada. Um dia inteiro é muito tempo para nada acontecer. Quase agora a polícia esteve aqui. Sim ou não? Isso aconteceu, não foi? A polícia esteve aqui, sim ou não? O policial Miglioriti veio para dizer que você estava procurando por sua mãe. Continue. Tem os potes de geléia. Que significam o quê? Que ela não esteve aqui. Isso não prova nada. Acho que não posso ajudá-lo, posso? Você quer me ajudar? Você quer me ajudar, filho? Claro. Então suma daqui agora mesmo, porra. Ei, Rynn, chame a polícia. Fique à vontade. O que foi, inválido? Tem problemas em equilibrar-se em pé? Não achei que fosse ligar. Pegue a estrada, carcamano. Vamos nós dois.



Uma resposta para “Radio Metrópole 101.3 FM”

  1. Marcos Barreto disse:

    Boa tarde! Parabéns Vitor Hugo nosso Presidente da Turisforte pela execelente entrevista! Parabéns para o Fernando e toda a equipe da metrópole.E para os ciclistas na Silveira Martins até a paralela, tem algum projeto ? Radio Metrópole 101.3 FM

Deixe uma resposta