Rádio Filadelfia

Rádio Filadelfia, Rádio Filadelfia ao Vivo Online

Add to your site.

Está tudo bem. Está tudo bem. Ned, cara Radio Radio ele era uma viagem. Ele era como meu pai também. Teria adorado ele, Clare. -Tenho certeza. -Bobby? Se quer tanto a minha família, eu por meio deste, passo-a pra você. Não. Não, melhor ainda. Eu por meio deste passo toda minha vida pra você. Seja eu. Eu, por meio deste, lhe batizo Jonathan Glover. Amanhã, quando eles cremarem o corpo do meu pai Radio Radio você pode ser o filho, e eu serei o melhor amigo. Pode voltar do serviço e consolar minha mãe. Jonathan, pare com isso. Você é melhor do que eu nisso. É mais qualificado. Então continue Radio Radio seja o filho deles com minha benção. -Me escuta, seu merdinha. Tudo que ele sempre fez foi te admirar. Tudo que você fez foi fugir dele. Não se atreva a falar com ele desse jeito. Não sabe do que está falando. Não sabe nada sobre admirar. Você sabe? Faz alguma idéia do quanto eu Radio ? Escutem, pessoal Radio Do quanto eu queria você? Do quanto eu amei você, seu imbecil? Sabe, e aí, que idiota eu sou. O quão patético é isso? Eu, apaixonada por você. E aí Bobby aparece Radio Radio e eu me apaixono por ele, e aí eu acho que nós Radio Que nós três, talvez pudéssemos Radio -se. Me deixem sozinha e voltem pra casa para beber. Clare! Como pôde ir embora sem dizer nada?! Eu não podia mais ser o tio. Me dá um tempo, certo? -Clare, ei. -Não me chame assim. Do que, não te chamar do que? Do seu nome? O que acha que eu faria sem você, Jonathan? -O que estava pensando? -Clare, vamos. Eu estou grávida, seus desgraçados! O que? Tem certeza? Tenho certeza completa. Você queria isso, não queria? Que Deus me ajude. Clare. -Oh, cara. -Vocês acham? Sim. Sim. O que acha de “Ethan” se for menino, ou “Trevor”? -Não vamos pensar muito. -Se for menina, chame-a de “Clare Jr.” Uma Clare por família já é o bastante. -O que a criança vai chamar eu e Bobby? -Nunca pensei nisso. “Papai.” Tipo “Papai ” e “Papai “? -Teremos que nos mudar, não? -Certo. A família divertida vai precisar de um terceiro quarto. A família divertida pode precisar de uma nova vizinhança inteira. Um lugar onde duas entre três pessoas não sejam psicóticas? -Exatamente. -Que tal Cleveland? -Não! -Vamos nos mudar pra cá. -Por favor, repita o que disse. -É difícil criar uma criança na cidade. Não acha? E se a criança resolver ser um tipo de, sei lá, de Heidi. Quanta bondade nós queremos? Crescer no campo não quer dizer que tenha um bom comportamento. A maioria dos assassinos interessantes vieram de fazendas abandonadas. Isso é tão adulto, vendo os bens imobiliários. -Nós somos adultos, mais ou menos. -Com quem a criança brincaria aqui? Criaturas da floresta, como a Branca de Neve. Não quero ele saindo com esquilos. Eles têm distúrbios psicológicos. Pare com isso! Essa tem um grande espírito, não acha? Querida? -É o seu dinheiro. -É o dinheiro do meu avô. -Eu não mereci uma moeda disso. -Mesmo assim. Você seria a dona. O que acha? Você quer essa mesmo, não quer? Se você quiser. Se todos nós quisermos. Não, você, Bobby Morrow. Menino lindo e maluco. Você quer essa, e eu posso comprá-la pra você. Não, seria para nós. Até logo, tesouros. Estou pensando em branco aqui. Totalmente branco, como um santuário Xinto Radio Radio e podemos pendurar lanternas de papel. -Você é o mais de todos. -Alguém tem que ser por aqui. O que prefere? Acho que vou consertar uma janela. Está bem. Jonathan, o azul é seu amigo. Olha, o azul é a cor do céu e da água. -É, mas branco combina com tudo. -Querido, é uma casa, não uma roupa. -Está tudo bem, eu vou. -Não, durma. É minha noite. Está tudo bem, Bobby está cuidando. É a noite dele. Se não cumprirmos a agenda, estaremos exaustos amanhã. Não me importo. Sinto falta da minha filha. Acho que ninguém vai dormir hoje. Olá, Rebecca. Olá. Oh, fofinha. -Ei, belezinhas e heróis. -Por onde andou? Vem comigo, tenho algo pra te mostrar. Essa cidade está pedindo um café legal. Essa cidade está pedindo um shopping. Que foi? Tem possibilidades. Onde? Aponte uma possibilidade. A cozinha está basicamente certa, só precisa de uma boa limpeza. Olha, chão de madeira. -Aquilo é um térmite? -Não. É, talvez. Acho que sei um nome. Café da Casa. O que acham? Bem, seria melhor para os negócios Radio Radio do que “Café da Sujeira e Desespero”, eu acho. E a deusa disse, “Alimente o povo e mande-os felizes pela noite.” Quanto tempo falta para aquela lasanha de cogumelo? -Faltam mais dois pedidos. -Guarde-os pra Martha e Gill. Sem problema. -Aí está, meus caros. -Obrigada, Jonathan. Chegamos, querida. Oh, ela não está feliz hoje. Por uma hora inteira. Não faço nem idéia. Oi, querida. -Fez cocô? -Acho que ela está ficando doente. Tenho que me arrumar e voltar para o restaurante. Sim. E eu tenho que, bem, juntar alguns brinquedos. -Está bem? -Nunca me senti melhor. Pareço ter acabado como a mãe e a esposa, não é? -Não é justo. -Não, não é. E não posso evitar isso. Achei que estaria aqui fora. Desculpe. Você não fez nada. Só quero ver todo mundo feliz. -Eu sei que quer. -Não vai ser sempre assim. Nós Radio Radio ainda estamos começando. Bobby, e se eu Radio Radio não puder fazer isso?



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *