Radio Vitória FM

Radio Vitória FM, Radio Vitória FM ao Vivo Online

Eu sou o menor dos teus problemas, Alice. Sinal de stop. O que tenho de fazer para me livrar de ti? Não podes livrar-te de mim. Cala-te! Arranco quando estiver pronta. Olá? Alice, é a Linda. Olá, Linda. Porque me estás a ligar ao sábado? Estava a pensar na nossa sessão no outro dia. Lamento muito o que aconteceu. Não, não te telefonei por causa disso. Penso que estávamos a fazer alguns progressos… …quando o tempo acabou. Queria ver-te antes de ta feira. Segunda de manhã está bem para ti. Ás : da manhã? Não. Ás : tenho de estar na loja. Está bem. Então e á tarde por volta das 😕 Também não posso. A loja só encerra ás seis. Que pena, mas eu não posso mais tarde… …nas segundas á noite dou aulas na universidade. Está bem. Então pode ficar para as :. Está bem. Vemo-nos a essa hora. Adeus. Cozinhas-te. Pensava que ias jantar com o George… …como no sábado passado. A Sara quis comprar hambúrgueres com queijo. Pensei em fazer algo especial para esta noite. Que amável. Se tivermos sorte, ficamos com as sobras para amanhã. Então, também vais comer um hambúrguer? Sim. Os desejos já começaram. Bem, só não sei se essa comida de plástico e salgada será boa para o bebé. Está tudo bem. Comia bastantes hambúrgueres quando estava grávida da Sara. Mas disseste-nos que comias comida saudável. Bom, penso que um hambúrguer de vez em quando… …não faz mal a ninguém. Principalmente com batatas fritas. Na verdade a Alice tem razão. Deixei-me levar pelos meus desejos. Vamos comer o que tu cozinhas-te. Cheiram melhor do que estes hambúrgueres. Bem. Desculpa, amor. Não te quis acordar. Mamã? Quando o bebé nascer, e se eu gostar dele? Talvez eu queira um irmão ou uma irmã e podíamos ficar com ele. Amor, eu já te disse. Não podemos ficar com o bebé. Pertence ao George e á Alice. Não percebo porque pertence á Alice. Tu és a mamã, O George é o pai e eu sou a irmã mais velha. Querida, é complicado. Porque não dormes? E falamos amanhã, está bem? Está Bem. Tu nem sempre tens de estar do lado delas. Querida, ela praticamente tinha o hambúrguer na boca. George, se não é bom para o bebé… …não é bom para o bebé. E é o nosso bebé, lembras-te? Sim, Alice, leu lembro-me disso. È como se ela não se importasse… …porque sabe que vai ter de o entregar. Isso não é verdade. Disse que comia o mesmo… …quando estava grávida da Sara. A questão não é essa. Não tens de estar sempre do lado delas. Aqui não á lados, Alice. Todos queremos o mesmo. Escuta-me. A única coisa com que eu me preocupo é contigo e o bebé. Ponto final. Só quero que estejam felizes e confortáveis… …enquanto vivem debaixo do nosso tecto. Está bem. O George é o papá. Eu sou a mamã. È assim tão difícil explicar isto á tua filha? São de Galderia. De quanta atenção é que tu precisas. Olá, Alice. Olá. Olá. Estou surpresa por ver-te aqui, Jennifer. Chegou um projecto á ultima da hora… …e precisávamos de uma redactora. Então a Jennifer vai trabalhar connosco em partime por uns tempos. A sério? Será por poucos dias. Mas o dinheiro vem mesmo a calhar. Quem sabe? Depois de o bebé nascer, talvez te ofereçam um contracto. Estou sempre a dizer que precisamos de alguém a tempo inteiro. Fantástico. Vamos almoçar. Queres ir connosco? Obrigado, na verdade, vim para almoçar com o meu marido. Está bem. Até logo. Está bem. Vem mesmo a calhar. Olá. Olá. Estás pronto? Sou um . Tenho uma reunião ás : e esqueci-me completamente. Então tomei a liberdade de encomendar a tua salada favorita. Fantástico. Deve estar a chegar. Está bem. Estás linda. Tu também. Vi a Jennifer no corredor. Sim, reabrimos o Site Web novamente. Penso que será uma grande ajuda para a empresa. Ela tem qualificações para fazer isso? Sim, absolutamente. Foi redactora… …e penso que sabe bastante sobre HTML. George, pensei em comprar um tapete rolante… …para ela fazer exercício sem ter de sair de casa. È um gesto muito bonito, amor… …mas eu penso que ela gosta de sair de casa para correr. Sabes que ela fez um curso de Personal treiner na universidade? A sério? Quem sabe? Talvez o nosso filho venha a ser um atleta. Não seria fantástico? Prefiro que o nosso bebé seja inteligente como tu. Obrigado. Penso que tivemos muita sorte com a Jennifer. De todas as mães substitutas que vimos… …ela é sem duvida a tem mais condições. e digo-te, amor… …Penso que vamos ter um bebé lindo. Porque se meteu nos meus assuntos pessoais? Fui eu que te recomendei Meadow View, lembras-te? fiquei preocupada quando dizes-te que não te tinham dado informações. Foi por isso que telefonei, Alice. Mas você não tem nada com isso, pois não? Dizes-te que não te queriam dar os pormenores. Desculpa, só tentei ajudar. Não preciso de ajuda. Alice, eu não entendo. Porque me disseste que não estavas lá quando ela morreu? Porque sabia que ia fazer isto. Eu não quero falar da minha tia Estelle. Prefiro fingir que ela nunca existiu. Então porque foste lá? Porque ela não parava de me telefonar. Detestava estar em Meadow View… …e queria ir viver comigo e com o George. E eu não podia permitir isso. então foste lá para lhe dizer isso pessoalmente? Sim, claro. E para lhe levar folhetos de outros sítios para ela ir. Bonitos lugares. Ela não gostou das opções? Não, continuou a insistir. Não me escutava, Sabes? Estava sempre a insistir em ir viver connosco. E quando eu disse que não podia — Quando dizes-te que não podia — Que ia ela fazer, Alice? Nada. Não tu dizes-te… “Quando eu disse que não podia –” …como se ela te tivesse a ameaçar com alguma coisa. Não, não ela não estava a fazer nada. Já chega de falar disto. Alice, isto é importante. Temos que falar do que sentiste quando mataste a tua Tia. O quê? Eu disse que temos que falar do que sentiste… …quando a tua tia morreu. Sim. Não te preocupes. Vamos ultrapassar isto juntas, eu prometo. Até á próxima ta, está bem? Sim. Está bem. Ela está a pressionar-te, Alice. Vai descobrir o que fazes-te. É só uma questão de tempo. Adeus. Fazes-te muito para me ajudar… …mas fazes perguntas demais. Tratas-te de tudo o que tinhas a tratar hoje? Sim, está quase tudo tratado. Que bom. Pelo menos, um de nós está despachado por hoje.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *