Rádio Band FM 92.9 > Rádios ao vivo Online FM Ouvir
  Rádios ao vivo Online FM Ouvir

Menu de rádio
Outro
Bem vindo de volta.
00s 40s 60s 70s 80s 90s Acre Adulta adulto contemporâneo Alagoas Amapá Amazonas Ananindeua Anápolis Araçatuba Araguari Arapiraca Araranguá Automobilismo Bagé Bahia Balneário Camboriú Barbacena Barreiras Barretos Bauru Belém Belo Horizonte Bento Gonalves Betim Blues Blumenau bossa nova brasileiro Campos Dos Goytacazes Canções de amor Canoinhas Católica Ceará christian Classical Comunitárias conversa cristão Cuapiaçu Curitiba Dance Distrito Federal eclectic Espirito Santo Esportes Flashback Florianópolis folk funk Futebol Goiânia Goiás Goioxim Gospel Governador Valadares Gravatá Guanambi Guarapuava Hits Ilhéus Instrumental Itaguai Itapuranga Jazz Jornalismo Kpop Manaus Maranhão Maringá Mato Grosso do Sul Minas Gerais MPB notícia Oldies Pará Paraná Pernambuco pop Pop-Rock Popular Popular 1 Popular 2 Popular 3 Popular 4 Porto Alegre Recife reggae Retro Rio de Janeiro Rio Grande do Sul Rock romantic romântico Samba Santa Catarina Santos São Paulo sartanejo Sertaneja Sorocaba Telemaco Borba Top 40 Três Lagoas Vila Velha Web

Rádio Band FM 92.9

Tipos de rádio: Balneário Camboriú

  

ADS
Rádio Band FM 92.9 Ouvir Rádios Online Grátis Brasil Qualidade e Transmissão İninterrupta. -Não é? -Tem sido bom. -Só bom? -Bom, bom Tem sido espectacular ter-te aqui, tio Maximo. -Agora sim. -Vemo-nos mais logo. -Adeus. -Até logo, tio Maximo. Não pingues a sanita. Vou dar o meu melhor. Deus! -Que foi agora? -Estás frito. Pessoal! Estava mesmo à vossa procura. Café? Café. -Dinheiro! -Não estamos aqui pelo café, meu! -A que te referes? -Dinheiro, dá-me o meu dinheiro. Não queremos café! Nem gostamos. Arranja o dinheiro! Sim. Dinheiro. Eu concretamente não o tenho. O que queres dizer, concretamente? Quer dizer que não o tem. Então porque não dizes simplesmente que não o tens. Porquê que dizes a palavra concretamente? Vou pagar-vos, prometo. Tens uma casa bonita. Quando digo casa bonita quero dizer uma bosta. É disso que estou a falar. As pessoas deviam dizer o que querem dizer. É tão confuso. Pessoal, esta é a casa da minha irmã, por favor. Sabes qual é o problema? Não tens respeito nenhum pelo dinheiro, meu! -O dinheiro não cai do céu. -Não, não cai. -Seria bom se caísse. -Nicky! Por favor! Só estou a concordar contigo. Podias salientar. O que estás a fazer? Esqueci-me completamente do que estava a dizer. -E se levássemos o que é nosso? -Boa. É uma boa ideia. E se começássemos a levar algumas coisas? -E se eu levasse isto? -Não, por favor -Nem sei o que isto é. -Não, por favor. -E isto? Se levasse isto? -Não! Não, isso não! É do meu sobrinho. Isso é importante. -Isto é importante para ti? -Sim. Então provavelmente não queres que eu leve isto? Não, não faças isso, por favor. Não, não faças isso, por favor. Está bem O que é que tu gostas? Carros desportivos? Helicópteros? Relógios Rolex? Prometo que arranjo o dinheiro e muito mais. Não preciso de um Rolex, mano. -Sabes uma coisa? -Quê? Pareces um tipo muito sincero. E sou. Mas não acredito que possas fazer aquilo que dizes que vais fazer. Por isso dá-nos o dinheiro e podes voltar a ter a tua câmara. É simples. Por favor. Tem um bom dia. E com isso quero dizer que não tenhas um bom dia. Eu percebo. Às vezes é engraçado não dizer o que quer dizer. A câmara não. A câmara. Tio Maximo, chegámos. Estás pronto? Quase. Estamos parecidos. Sim. Maximo. Mínimo. Mãe! Estás gira. E tu estás muito guapo. Esse vestido é muito justo. -Queres dizer que pareço gorda? -Não. É um elogio. Porque o teu corpo sobressai. -Vou-me trocar -Não. Vamos fazer a magia acontecer. Sim! Arden, aqui vamos nós. ESTACIONAMENTO POR FAVOR PUXE À FRENTE Olha para este lugar! Sim. É bonito. Ali está ela. Sim. Ali está ela. Hugo, lembra-te de tudo o que te ensinei, está bem? Obrigado, tio Maximo. Vai apanha-la. Vai, amante latino. Lindo como o tio. Olá. Olá. Já nos conhecemos? Só nos meus sonhos. Hugo. Magoaste-te na perna? Não querida, estava só a andar. O meu sobrinho gosta muito da tua neta. A sério? Tenho alguma coisa na cara? Sim. Tens a minha inteira atenção. Está bem. É encantador conhecer-te. Maximo. Maximo. Querida, o que dizes de sairmos daqui? O que queres dizer? São os meus anos. -Bebidas? -Permite-me, por favor. Com licença. Esta senhora e eu vamos beber o vosso fantástico champanhe.

Comentários

Nenhuma resenha encontrada

Escreva um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

*

*