Rádio Aleluia FM 106.3 FM

Rádio Aleluia FM 106.3 FM Ouvir Rádios Online Grátis Brasil Qualidade e Transmissão İninterrupta.

“Quando é que isto começou?” “Matem-no!” E eu estou bem lá atrás. “Matem-no! À frente de toda a gente! Toda a gente a ver! Toda a gente. Não, querida, toda a gente vê. Toda a gente. Toda a gente vê. Toda a gente vê. Nunca sejas assim.” É uma situação de alta-pressão assim que começas a lidar com a segurança. Ninguém se veste e despe a andar de lado em casa, mas querem que sejas um atleta olímpico quando lá chegas. “Despacha-te!” As pessoas choram, tipo: “Só quero voltar a ver a minha família! Posso deixar o pullover? Oh, meu Deus! Esqueci-me de pôr a carteira na caixa! O que vai acontecer?” Nada de carteiras! É tanta tensão, caralho. Estamos na fila com a multidão, aos ziguezagues, pois, é o momento mais divertido das nossas vidas. Quando chegamos à caixa, ficamos nas mãos da segurança. Ninguém é teu amigo. Ninguém é teu amigo. Estão a observar-te. Assim que tocares na caixa, vai! “Não consegues ir mais depressa? De quantas caixas precisas? Portátil e um iPad? Vais para onde, caralho?” Depois temos de passar pelo raio da máquina do Stargate. O que é aquilo? Porque é que fazemos aquilo? O que é aquilo? Se perguntamos à segurança: “O que é que isto faz?” Eles respondem: “Bem, mostra-nos os locais onde estão a suar e depois nós atacamo-los.” A próxima vez que estiverem no aeroporto e entrarem na máquina do Stargate, olhem para a pessoa do outro lado e digam: “Não sei. Acho que Los Angeles, , por favor.” “Senhor, saia por favor.” “Quanto tempo estive fora?” Façam isso tudo. “Senhor, pode sair.” “Quanto tempo estive fora? Onde estou?” “Muito engraçado, senhor. Por favor, vá para o seu voo. Você, senhora com o leite de bebé, porque está aqui?” “Acho que fui enviada do futuro para matar um rapaz.” “Senhor, por favor, pegue na mala. Vá para o seu voo. Minha senhora, venha cá! Porque está a tentar alimentar crianças?” De qualquer forma, foi a parte dos aeroportos. Se acham que Jesus era branco, não podem ter opinião sobre o controlo de armas. Tudo bem. Nem todos vão concordar. Sabemos que agora, mais que nunca, a educação é cara. E algumas pessoas no público pensam: “Mas Jesus era branco.” E estão a fazer o melhor. Eu quero viver assim. Não posso. Tenho de estar aqui. Tenho de investigar. Só estou a dizer que, se querem uma mudança a sério, têm de limitar a possibilidade de algumas pessoas votarem. Eu sei. Eu sei. Não parece progressista. O genocídio também não. As pessoas odeiam o genocídio. Porquê? Porque tem sido usado horrivelmente sempre que foi usado ao longo da história? Isso não o torna necessariamente mau. Se vos dissesse amanhã que íamos reunir todos os racistas e homofóbicos, e matá-los, vão dizer-me que as pessoas inteligentes não iriam dizer: “, ainda não tentámos essa via. Isso talvez tenha impacto.” Talvez não se baseie na cor de pele ou na religião. Talvez seja só: “Quem é o idiota? Tirem-no daqui.” Incluam os que negam o aquecimento global também. Vamos limpar a casa. Vocês entendem. Vocês são o máximo, são fixes. Entendem. Eu sou uma daquelas pessoas que não acredita no aquecimento global, mas tenho a certeza que a Arca de Noé foi uma história verídica.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *