Rádio Canal Mais FM 87.9

Rádio Canal Mais FM 87.9 Ouvir Rádios Online Grátis Brasil Qualidade e Transmissão İninterrupta.

Adicione ao seu site.

E não se meta em política. Trate bem os camponeses. Que te respeitem ou temam. Eles estão abandonados. E gostam que estejamos aqui na serra, não sei por quê. Eu já não tenho ilusões como você. Você é jovem e tem muitos anos pela frente. Mas não nasci para ser um camponês morto de fome, sem um pedaço de terra. Quando ninguém sabe quem é El Lero, comprarei umas terras perto de Granada. E as pessoas dirão: “Don Juan”. É melhor que nada. Bom dia, senhores. Bom dia. Poderia me dizer se María Jerónima Francés está trabalhando por aqui? Sim, senhor. Está colhendo nos campos de trigo. Obrigado. Seu amor é como o touro. Que onde o chamam vai. E eu como a árvore, sozinho. E eu como a árvore, sozinho. Que a ninguém sombra dá. Que a ninguém sombra dá Tão somente a mim… Entre os lobos. Quieto, hem. Quando penso em ti, María. Quando te tenho diante Quando te tenho diante “To” mal eu esqueço “To” mal eu esqueço E tenho que perdoar-te. Nem tiros, nem punhaladas… me separam de seu querer Eu de você não me afasto Eu de você não me afasto Mesmo que tenha que perder, Mesmo que tenha que perder os olhos por onde te vejo. Espera, María. Minha mãe me disse que você partiu da aldeia sem dizer para onde. Te procurei todo esse tempo sem te encontrar. Venho para cumplir com minha palavra, María. Te disse que viria por você. Tua mãe não te disse a surra que me deram por tua culpa? Tua mãe não te disse das noites que passei em claro escapando-me para tua casa, para te esperar, como me prometeu? Não te disseram que passei fome? Tenho lentamente me esquecido de você. Já passou muito tempo. Não a deixe fugir! Chame-a! María! Senhores, divirtam-se. E vocês também. Hoje haverá paz e ninguém lhes fará nenhum mal. Quero um casamento dos sonhos e não um enterro. Todas as despesas são por minha conta. Comam, bebam! Diga ao povo, Sotillo! Tiveram sorte. Viva a noiva! Viva! Viva a noiva! Viva! Ela se entrega a ti, pois para nada serviram meus conselhos. Viva José María! Viva! Os irmãos da sineta por ruas e praças saem a pedir. Não temem nem o frio nem a água nem as más noites que passam por ti. Devotos, venham Vamos rezar o rosário ao amanhecer se quer alcançar o céu. A aldeia inteira é sua se quiser, María. Viva José María! Viva! E agora que tomou o céu, um devoto pela rua. Devotos venham… Onde estão os donos disto? Na adega, não se preocupe. Agradeça a todos em meu nome por este presente. Vamos pôr o manto! Olé! Quis muito a uma mulher. E quis muito a uma mulher. Tive um momento de loucura e essa foi a minha ruína. Tive um momento de loucura e essa foi a minha ruína. Não me resta outro remédio, não me resta outro remédio que abaixar minha cabecinha e dizer que o branco é negro. Que abaixar minha cabecinha e dizer que o branco é negro. Ciganinho das tesouras, venha sentar-se em minha cabeceira. Venha sentar-se em minha cabeceira. Antonio! Saímos dentro de meia hora! Que se preparem todos. Arreia o meu cavalo. Você ouviu, vamos. Vamos, Castro! Depressa! Não pode me tirar de seu lado agora.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *