Raízes do Brasil Web Rádio > Rádios ao vivo Online FM Ouvir
  Rádios ao vivo Online FM Ouvir

Menu de rádio
Outro
Bem vindo de volta.
00s 40s 60s 70s 80s 90s Acre Adulta adulto contemporâneo Alagoas Amapá Amazonas Ananindeua Anápolis Araçatuba Araguari Arapiraca Araranguá Automobilismo Bagé Bahia Balneário Camboriú Barbacena Barreiras Barretos Bauru Belém Belo Horizonte Bento Gonalves Betim Blues Blumenau Bom Successo bossa nova brasileiro Campos Dos Goytacazes Canções de amor Canoinhas Católica Ceará christian Classical Comunitárias conversa cristão cristão contemporâneo Cuapiaçu Curitiba dança Dance Distrito Federal eclectic eletrônico Espirito Santo Esportes Flashback Florianópolis folk Fortaleza funk Futebol Goiânia Goiás Goioxim Gospel Governador Valadares Gravatá Guanambi Guarapuava Hits Ilhéus Instrumental Itaguai Itapuranga Jazz Jornalismo Kalore Kpop Manaus Maranhão Maringá Mato Grosso do Sul Minas Gerais MPB notícia Oldies Pará Paraná Pernambuco pop Pop-Rock Popular Popular 1 Popular 2 Popular 3 Popular 4 Porto Alegre Recife reggae Retro Ribeira Rio de Janeiro Rio Grande do Sul Rock rock clássico rock'n'roll romantic romântico Samba Santa Catarina Santos São Paulo sartanejo Sertaneja Sorocaba Telemaco Borba Tiete Top 40 top40 Três Lagoas Vila Velha Web

Raízes do Brasil Web Rádio

Tipos de rádio: São Paulo

  

ADS
Raízes do Brasil Web Rádio Ouvir Rádios Online Grátis Brasil Qualidade e Transmissão İninterrupta. Seus comentários são importantes para nós... Telefone: 55 15 991694148 Email: [email protected] a representar o povo! Queremos vê-los! Queremos vê-los! Foi imensa gente, mas o mais bonito foi o facto de o PNP não estar de um lado e o Partido Trabalhista do outro. Estavam todos misturados. Não havia separação. As pessoas queriam mesmo que a paz resultasse. Foi fenomenal. O tratado de paz está a acontecer Viva Michael Manley! O tratado de paz está a acontecer Viva Tivoli está a avançar O Buckie Marshall e o Claudie. São outra vez irmãos Jacob Miller e os Inner Circle, vamos lá! Jacob Miller e os Inner Circle, sim! E, após uma longa noite de música extraordinária, por volta das duas da manhã, o Bob subiu ao palco. Nenhuma bala nos trava Não vamos suplicar nem ceder Nem podemos ser comprados ou vendidos . e dançou de uma forma que ninguém na Jamaica o vira dançar. Tal como dançava no estrangeiro. A saltar, a rodopiar e a atirar o cabelo. Tudo espetacular com a Lua Cheia. E, depois, interrompeu a música. Podemos. Podemos chamar ao palco o Sr. Michael Manley e o Sr. Edward Seaga? Só quero dar um aperto de mãos e mostrar às pessoas que vamos estar com eles sem problemas. Vamos unir-nos Vamos estar com eles sem problemas Temos de nos unir Acredite, caiu um raio naquele estádio, quando ele entrou naquela dança espiritual, e só pode ter sido Deus a ver e a dizer: "Muito bem!" Primeiro, o Bob chamou Edward Seaga. Depois, chamou o Sr. Michael Manley. Levou algum tempo porque, suponho eu, devia estar a pensar: "Será boa ideia ou não? No palco, com o meu arqui-inimigo!" Mas ele não podia recusar. Não sabíamos que íamos ser chamados ao palco. Ou que Manley seria chamado ao palco. O Bob estava empenhado numa missão que não se baseava na divisão. E via-se nele a vontade de juntar estas pessoas para alcançar a paz e parar o derramamento de sangue. Ao tentar unir estes dois partidos, o Bob sabia que se estava a afirmar como alvo. Mas ia arriscar a vida para voltar e unir as pessoas. E ergueu as mãos deles ao alto, numa bênção rastafari. O momento foi comparado a Cristo na cruz, entre os dois ladrões. Foi nessa noite que o Bob deixou de ser um artista e passou a ser um xamã. Sentimos que foi o fim da guerra tribal e que o Bob Marley fizera uma obra-prima. Era simbólico, todos queriam a paz. Dizer que, de repente, houve paz em todo o território é falso. Não. Ele tentou trazer a paz. Mas não podia haver paz. Depois do One Love Peace Concert, o Jim Brown foi a casa do Bob na Hope Road para entregar algum dinheiro da venda dos bilhetes. O Jim Brown era o Don mais poderoso do gueto. O seu núcleo forte era Tivoli, mas ele era um apoiante do Partido Trabalhista. BEM-VINDOS A TIVOLI GARDENS O AMOR COMEÇA AQUI Um dos nossos informadores mais importantes, o Trevor Philips, estava com o Bob quando o Jim Brown apareceu. O Marley pegou no Trevor e perguntou: "Quem é este homem? O que está aqui a fazer?" E o Trevor disse ao Bob: "Mas não conheces o Jim Brown?" E o Bob disse: "Trevor, eu vi aquele homem na noite em que fui alvejado." Lembro-me de ter. . uma pequena reunião com uns tipos, entre os quais o Jim Brown, e fomos para uma sala dos fundos, porque ninguém podia saber que o Jim Brown lá estava. Basicamente, ele disse: "Quando fui lá e comecei a disparar, o Bob Marley disse: 'Não dispare contra mim!'" O Bob disse-me, quando o viu depois: "Foi aquele tipo que lá estava na noite dos disps! Não sei se foi o Jim que dispu, mas era ele que lá estava." Nunca viu o autor dos disps? Bom. . na altura, não. Mas sabe quem foi? Sei. Foram apanhados? Não, ninguém chamou a Polícia. É só. . uma cena. Reconheci o atirador que foi lá. Era do Partido Trabalhista. Um dos homens do Seaga. Acho que o Jim Brown foi o autor moral do atentado porque seria muito seguro. Ele era leal a Seaga. Também lançou o Jim Brown. O Jim Brown formou os infames Shower Posse. OS SHOWER POSSE Os Shower Posse tornaram-se os principais traficantes de cocaína e heroína para os Estados Unidos. As autoridades levaram muito tempo a perceber o grau de perigosidade deste homem, pois estava sob a proteção de Edward Seaga, desde o início. O Bob Marley nunca soube disto, mas uma das ironias trágicas

Comentários

Nenhuma resenha encontrada

Escreva um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

*

*