Rádio Terra Doce FM 87.9 > Rádios ao vivo Online FM Ouvir
  Rádios ao vivo Online FM Ouvir

Menu de rádio
Outro
Bem vindo de volta.
00s 40s 60s 70s 80s 90s Acre Adulta adulto contemporâneo Alagoas Amapá Amazonas Ananindeua Anápolis Araçatuba Araguari Arapiraca Araranguá Automobilismo Bagé Bahia Balneário Camboriú Barbacena Barreiras Barretos Bauru Belém Belo Horizonte Bento Gonalves Betim Blues Blumenau bossa nova brasileiro Campos Dos Goytacazes Canções de amor Canoinhas Católica Ceará christian Classical Comunitárias conversa cristão Cuapiaçu Curitiba Dance Distrito Federal eclectic Espirito Santo Esportes Flashback Florianópolis folk funk Futebol Goiânia Goiás Goioxim Gospel Governador Valadares Gravatá Guanambi Guarapuava Hits Ilhéus Instrumental Itaguai Itapuranga Jazz Jornalismo Kpop Manaus Maranhão Maringá Mato Grosso do Sul Minas Gerais MPB notícia Oldies Pará Paraná Pernambuco pop Pop-Rock Popular Popular 1 Popular 2 Popular 3 Popular 4 Porto Alegre Recife reggae Retro Rio de Janeiro Rio Grande do Sul Rock romantic romântico Samba Santa Catarina Santos São Paulo sartanejo Sertaneja Sorocaba Telemaco Borba Top 40 Três Lagoas Vila Velha Web

Rádio Terra Doce FM 87.9

Tipos de rádio: Belém

  

ADS
Rádio Terra Doce FM 87.9 Ouvir Rádios Online Grátis Brasil Qualidade e Transmissão İninterrupta. Não me pagam tanto quanto vocês pensam. Gostam de se parecer com vadios ricos. Você está com bem-estar. Não me pagam a ponto de eu não estar. Não nos importamos com isso. Sra. Strickland, você compra os jeans, as blusas e as camisas? Não, eu conserto. Eles vem de... São as roupas desgastadas de... De seus clientes. Sim, eles me trazem. Não sei onde... Eles conseguem. Sim. Quero dizer, não. Eu não sei. Por quê? Por que você quer saber? Estas obviamente são roupas de uma mulher. Sim. Você sabe algo sobre futebol, sra. Strickland? Não. Não. Não. Não. Você é uma vadia mesmo, não? Não. Você me mordeu mesmo, sua . Você disse que tinha algo mais forte que licor. Você já está delirando. Não estou, sr. Certinho. Não estou doidona. O que acha que pode fazer agora? Você acha que está na televisão? Acha que pode filmar para um comercial? Balance meu querido, querido. Billy Batt. Como pegar uma mulher, por Billy Batt, estrela de cinema. Eu não vou ao cinema. Assisto a maldita última sessão das h da manhã. Filha da . Por que não age como um homem e se esconde no armário, caubói? Vamos, nu atrás do armário, atrás de suas roupas. Você morreria por amor? Meu pai fez isso. Vaza daqui. Vou quebrar seus ossos. Depois sugar a sua medula! Saia! O que diabos está acontecendo, cara? Filho da . O que ele fez com ela? Alguém chame um médico. Ela está bem? Está tudo bem? Vamos chamar uma ambulância? O que ele fez? Onde ele bateu nela? Tudo bem aqui? Você está bem? É sério, você está bem? Nada está quebrado. Consegue se levantar? Acho que sim. Quem é você? Está tonta. Talvez tenha quebrado alguma coisa. Consegue andar? Você não é um ator de comerciais? Sim. Bem, você está bem. Eu não fiz isso. Sim, fez. Está brincando comigo. Billy Blatt é um sádico filho da . Verdade. McPeak fez um filme com ele ano passado. Não, eu não sei. Talvez tenha sido minha culpa. Ouça, querida, até os cavalos o queriam morto. Não porque ele não pode cavalgar. Ele pode. Achei que estivesse louca quando entrou com ele, Molly. Não sei por que eu fui. Talvez eu o tenha acertado.

Comentários

Nenhuma resenha encontrada

Escreva um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

*

*