Rádio Cacique 760 AM Guarapuava

Rádio Cacique 760 AM Guarapuava, Rádio Cacique 760 AM Guarapuava ao Vivo Online

Adicione ao seu site.

Isso é Central Park. Maravilhoso. Isso não é nada….. Hasuami? Eu costumava trabalhar num Rádio Cacique 760 AM Guarapuava negócio na Sixth Avenue. A sério? Sim Weiwei inicialmente chegou a Nova York em . Fez parte da primeira geração que estudou no estrangeiro depois da Reforma na China e a política de abertura prevista para final de . Carne tipo “Corned Beef” para resto da minha vida O quê? Passei quatro dias em Nova York e só comi carne tipo “Corned Beef” Quer anéis de cebola? Sim, sim, eu quero levar tudo. Acho que conheci Ai Weiwei, enquanto ainda estava vivendo em Nova York, ele era o padrinho de todos os estudantes chineses Eles estão vivendo em diferentes sótãos, em Hell´s Kitchen, Alfabeth Rádio Cacique 760 AM Guarapuava Cidade e tudo isso. Você sabe que ele descreve esse período de tempo como uma China sem esperança. Ele não disse nada, nem quando ele saiu. Apenas se queria ir embora. O tempo que eu compartilhada com Weiwei … Só dizia: “quem se importa como viviamos na China?, temos que criar espaço para coisas novas … Weiwei falava Inglês, tentámos de misturar, tentámos traduzir em neoyorkinos ele estava vivendo no bairro Lower East Side. Pensem nisso, isso o ajudou em muito, ele estava consciente, ia aos museus. Ele tinha horas e horas de tempo livre todos os dias, saíamos e logo dizia: “Atlantic City está-me chamando para ir jogar! ” Porquê Weiwei e eu viemos para Nova York? Viemos a ter esta grande colisão por assim dizer. Usava sua câmera como se fosse o seu diário. É significativo repreender alguém por um protesto em Nova York? Não é particularmente o interesse nos protestos. Para mim, é uma forma de experimentar a democracia. Se eu vejo essas fotos eu posso ver um jovem a lutar e tratando de se ajustar à história que viveu e a um novo meio ambiente. Eu era o patrono do Weiwei. Eu era o único patrono do Ai Wei. Acredito que em , Eu vi uma dos seus trabalhos em “Cohen Place” o perfil de uma cara que fez de um cabide. Realmente gostei. Ele fez coisas interessantes, cortava tudo em pedaços e depois tratava de reconstruir. Disse-lhe: Weiwei, se colocares suficientes peças juntas vamos fazer uma exposição alguma vez. “Todos escolhem o seguro”, era o nome natural e isso foi em . Nós estávamos apenas começando a entender o que era a SIDA assim que Weiwei criou uma gabardine e na realidade curta, um buraco em gabardine onde cabia o seu pénis e colocou um preservativo, esse foi um dos nossos principais ícones da nossa exposição “Todos escolhem o Seguro”. Ele pode ter muitos empregados que trabalham para ele agora, mas ele sabe como colocar tudo junto, pode fazer tudo sozinho. Para o grupo de intelectuais chineses que viviam em Nova York em as manifestações de Tiananmen eram um problema complicado Ficaste no estrangeiro ou regressaste para a China? Você acompanhou os acontecimentos de ? Olhei cada hora, cada cena, cada minuto. Rádio Cacique 760 AM Guarapuava Foi um momento emocionante que incentivou toda a Europa Oriental. Era um tumulto e o fim da guerra santa Tiananmen começava … Para mim é um grande lutador, é um grande lutador. É a sua maneira de enfrentar, eu não só o senti Por um grande tempo. Eu o vi em greve de fome. Durante a sua greve de fome amarrou algo em torno da cabeça e escreveu ” sua mãe” nele. Ficou assim no edifício das Nações Unidas por vários dias. Eu acredito de facto que Ai Weiwei aprendeu mais por ver as audiências do irão na televisão do que aprendeu com o manifestações na Praça de Tiananmen. Eu nunca tinha vivido numa cultura onde o governo se colocou a si mesmo na televisão em julgamento. E você admite que mentiu ao Congresso, isso é correto? Se o fez. Isso para ele foi revolucionário. Ele trabalhou duro durante esses doze anos em Nova York mas não tinha nada que o mostrasse. Ele explicou que seu pai estava velho e doente. Ele queria estar em casa. Ai Weiwei deixou Nova Iorque em . Seu pai morreu três anos mais tarde que Weiwei voltou para Pequim. O que é isso? Estes são alguns dos nossos documentários, Aqui está Lao Ti Hua Na, também o filme do terremoto de Sichuan e meu pedaço de história. Vou-te dar quatro de cada um, Você partilhe-os com seus colegas na revista. Fabuloso. Numa entrevista disseste que nós nos tornámos mais humanos depois dos anos . A liberdade é uma coisa estranha, Uma vez que a experimentas ele permanece no Rádio Cacique 760 AM Guarapuava teu coração e ninguém ta pode tirar. Depois como indivíduo você pode ser mais forte que um país inteiro. Depois de uma década em Nova York não estou tão acostumado à China, às condições deste momento, não há atividades de arte em absoluto. Sim há pintores, mas nenhuma discussão, ninguém se importa o que eles têm na cabeça. Naquele tempo as pessoas estavam muito deprimido, todos os jovens chineses artistas estavam deprimidos apenas depois de . Depois de Tiananmen o governo censurou todos os tipos de expressão fossem eles escritores, artistas ou cineastas e, em seguida, início dos anos noventa Você tinha pessoas como Ai Weiwei e Feng Boyi eles começaram a olhar em redor e perceberam que aconteciam coisas, coisas aconteciam, mas não aconteceu nas galerias oficiais. A única possibilidade é criar condições para que os artistas possam comunicar como um livro clandestino.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *